07 ago

Uma dúvida muito frequente entre os clientes é que tipo de piso deve ser usado nos ambientes de suas casas. Para ajudar a esclarecer as dúvidas e definir seu tipo de piso, selecionamos os mais comuns nas residências brasileiras e fizemos uma breve descrição de cada um.

Piso Cerâmico:

Feito de mistura de argilas, compostos e substâncias químicas, é a opção mais barata do mercado. Disponíveis nas versões esmaltada ou não-esmaltada, deve-se levar em conta o local em que será aplicado e tomar cuidado com produtos de limpeza, pois são mais suscetíveis a manchas e mais porosos que os porcelanatos.

Piso Porcelanato:

Cada vez mais presente nos projetos de interiores, o porcelanato difere-se dos pisos cerâmicos por sua maior resistência, homogeneidade e acabamento de corte superior. Oferece uma grande variedade de valores, cores, tamanhos, formatos e texturas, podendo representar materiais como o granito, mármore e até mesmo madeira. Além disso, apresenta baixa absorção de água e fácil limpeza. É necessário cuidado ao escolher entre o acetinado (que tem mais resistência a riscos) ou polido (este pode tornar-se escorregadio e perder o brilho com o passar do tempo), levando em consideração o local em que irá ser instalado.

FullSizeRender     DSC_9543_5_7_tonemapped

Piso Laminado:

Ótima opção para quem busca praticidade na colocação, aconchego e beleza, os pisos laminados vão bem em áreas de estar, dormitórios e corredores. Uma das grandes vantagens é o custo-benefício quando comparado ao piso de madeira real, além de ser de fácil limpeza e manutenção. Há várias opções de cores, texturas e medidas, podendo ser escolhida conforme a necessidade do cliente.

DSC_9218_20_22_tonemapped     DSC_8774_6_8_tonemapped

Piso de Madeira:

A madeira é um material nobre, pode trazer aos ambientes sofisticação ou rusticidade e, em ambos os casos, traz também aconchego. Possuem um custo maior que os laminados e parquets, pois são feitos de madeira maciça, instalados sobre uma estrutura de madeira, pregados ou colocados no contrapiso. Também exigem uma constante manutenção.

Piso Vinílico:

Uma opção moderna e ecológica que alia fácil manutenção, praticidade e resistência. É um material antialérgico, não absorve umidade (pode ser lavado) e permite a criação de desenhos com recortes, dando mais personalidade ao projeto. Bastante utilizado também em hospitais, escolas e estabelecimentos comerciais.

DSC_9643_5_7_tonemapped     001

Piso de Pedra:

A pedra faz parte da morada do homem desde o início dos tempos. Trata-se do elemento mais rústico de todos.  Com o desenvolvimento tecnológico foram desenvolvidos novos modos de incorporar a pedra à arquitetura e à decoração. Além disso, a própria pedra foi sendo modificada – polida, recortada e lapidada. Atualmente tê-la em casa não é sinal de simplicidade necessariamente.

IMG_8426     IMG_8431

Leave a Reply